Covid-19/Brava: Autoridades pedem munícipes que respeitem as medidas de prevenção emanadas pelo Governo

  • 22/07/2020 06:01

O  presidente da Câmara Municipal da Brava pediu aos munícipes que cumpram as medidas emanadas pelo Governo para o combate e prevenção do covid-19, avançando que depois de uma abordagem pedagógica serão tomadas algumas medidas.

Francisco Tavares fez este apelo em entrevista à Inforpress, lamentando algumas situações que se têm decorrido, principalmente à frente de algumas instituições e nas piscinas naturais de Fajã d´Água.

Segundo o edil, todo o esforço do Governo, da Câmara Municipal, das instituições só valerá a pena se cada um munícipe se consciencializar e fazer a sua parte.

Com a implementação do projecto de combate e prevenção à covid-19, Francisco Tavares avançou que a autarquia e a equipa de intervenção vão passar a fazer uma avaliação da frequência das pessoas e, se necessário, será feita uma limitação da lotação do acesso às piscinas naturais de Fajã d´Água.

Em caso de incumprimento, sublinhou que serão tomadas as medidas coercivas, conjuntamente com a polícia nacional que vão desde coimas e multas ou outras medidas caso não cumprem reiteradamente as medidas emanadas pelo Governo.

Inicialmente, acentuou, será feito um primeiro contacto para a informação e sensibilização, mas numa segunda abordagem serão tomadas algumas medidas.

E, este apelo conforme a mesma fonte se estende ao pessoal dos estabelecimentos comerciais, restaurantes, bares, transportes públicos, entre outros sectores.

O responsável do Serviço Municipal da Protecção Civil, António Marcelino, também reforçou a mensagem de sensibilização, pedindo aos munícipes que se tentem adaptar à nova realidade, cumprindo as medidas de prevenção desde há muito anunciadas.

Em relação às praias, realçou que o acesso às mesmas já foi liberada, mas relembrou que há algumas restrições.

Daí, apontou que não é somente a responsabilidade da Protecção Civil, Câmara Municipal, Polícia Nacional, mas sim de todos, porque isso já é uma tarefa de toda a sociedade civil.

MC/CP

Inforpress/Fim