A Cabo Verde Fast Ferry vai acabar, sete anos apos a sua criacao

  • 06/03/2018 03:41

A empresa de transporte marítimo Cabo Verde Fast Ferry, proprietária dos navios Kriola, Liberdadi e Praia d’Aguada vai deixar de existir. A informação foi avançada pelo próprio Ministro do Turismo, Transportes e Economia Marítima, José Gonçalves numa entrevista concedida à RDP África.

Segundo avança o Ministro, com o lançamento do concurso internacional de concessão do serviço de transporte marítimo inter-ilhas, “a atual empresa pública não é sustentável”. A população da ilha Brava já está a preparar uma manifestação contra este medida que considera irá prejudicar ainda mais a ligação da Brava com o resto de Cabo Verde.