Brava: Escola Secundária Eugénio Tavares realiza diversas actividades para comemorar o Dia Mundial da luta contra a SIDA

  • 30/11/2018 03:47

A Escola Secundária Eugénio Tavares está a promover um leque de actividades alusivas ao Dia Mundial de Luta contra VIH – SIDA, que se celebra a 01 de Dezembro.

O dia de hoje foi dedicado a uma conversa aberta sobre a Violência Baseada no Género, principalmente na camada jovem e adolescente.
Esta conversa foi dirigida pela psicóloga do Instituto Cabo-verdiano da Criança e do Adolescente (ICCA) na ilha Brava, Edite Brito, que informou os adolescentes acerca desta problemática, que tem assolado o mundo inteiro e a nível nacional.

Tendo em conta a “fase complicada” que esta camada está atravessando, segundo a psicóloga é necessário a informar-lhes, de forma a estarem mais atentos a certos tipos de violência que têm vindo a acontecer no dia-a-dia.

Nilza Sequeira, membro da organização, explicou à Inforpress que já há algum tempo que na semana que antecede o dia de Luta contra o VIH-SIDA, sempre são realizadas actividades do tipo.

E o tema apresentado hoje vem na linha da campanha de combate à violência contra as mulheres e meninas, e o intuito é que os alunos “assimilem” as informações passadas e depois as partilhem com os familiares, vizinhos e a comunidade em geral.

Durante esta semana, estão sendo feitas algumas oficinas de trabalhos, onde os alunos estão trabalhando “rótulos e solidariedade em relação ao VIH-SIDA”, visualização de vídeos com histórias sobre a doença e informações diversas, produção e exposição de cartazes, teatro, conversas abertas, marchas, entre outras.

Na conversa aberta foram vistos os conceitos da violência, os tipos de violência existentes, as consequências e sequelas que a violência deixa na vítima, o comportamento que passam a ter e como ajudá-las nestes casos.

 

Inforpress/fim