Brava: “Maioria dos muitos hipertensos não adere aos tratamentos” – médica

  • 20/05/2019 14:51

A médica da  Delegacia de Saúde da  Brava Paloma Fernandes garantiu que a ilha possui muitos hipertensos, mas que a maioria “não adere” aos tratamentos disponíveis na estrutura de saúde.

A delegacia promoveu uma campanha de hipertensão envolvendo todos os funcionários na localidade de Furna e, segundo a médica, a falta de adesão ao tratamento dificulta a vida dos pacientes ao longo do tempo, levando a casos de AVC e outras patologias.

“A ideia é tentar mudar esta realidade, incentivando e sensibilizando as pessoas, no sentido de aderirem ao tratamento”, concretizou a mesma fonte.

Sendo assim, a delegacia saiu do seu espaço físico e foi até a localidade de Furna, numa acção que se enquadrou na programação do mês de Maio, como sendo o mês do coração.

Na localidade de Furna foram avaliadas 102 pessoas, inclusive os acamados, e, dos hipertensos, a equipa constatou que “muitos não estão medicados”, e agora, com esta campanha de sensibilização, conforme a médica, tendo a “noção real e da localização” dos hipertensos, fica “mais fácil” medicá-los e fazer “o devido acompanhamento”.

Além desta actividade na Furna, a equipa pretende realizar acções idênticas nas zonas de Nossa Senhora do Monte, Cachaço e Vila de Nova Sintra.

Também na Delegacia de Saúde será desencadeada uma campanha “focada na hipertensão arterial”, com realização de medições e de ini-palestras diárias para realçar os pontos importantes que cada paciente crónico deve saber a nível do estilo de vida.