Brava: Moradora de Santa Bárbara reclama falta de apoios por parte da câmara municipal

  • 08/02/2019 12:53

Uma moradora da localidade de Santa Bárbara, Ana Gomes, reclama a falta de apoios por parte da Câmara Municipal da Brava em termos de saúde e de habitação social.

Segundo Ana Gomes, já há vários anos que possui problemas crónicos de saúde e não possui condições para arcar com todas as despesas das consultas e medicamentos, porque já lá vão mais de 17 anos que vive somente da pensão social.

Ana Gomes disse ainda, que sempre que vai à câmara municipal tentar falar com o presidente, “sempre dizem que não está”.

A nível de apoios para a saúde, a fonte adiantou que há vários anos pediu apoios para comprar óculos, mas devido ao tempo que ficou à espera e à falta que estes óculos estavam a fazer, decidiu obter os óculos pelos seus próprios meios.

“Naquela época, ainda estava conseguindo criar porcos, vendi e comprei os óculos. Algum tempo depois, disseram que o apoio para a compra dos óculos já estava pronto, mas já nesta época não era necessário”, contou Ana.

Entretanto, o estado de saúde só foi piorando e, conforme contou, a diabetes, segundo os médicos, está a prejudicar a sua visão e precisa de óculos com maior graduação”, só que, neste momento, a mesma disse que não tem como arcar com as despesas, porque não possui nenhum outro tipo de apoio, a não ser o da pensão social, porque os filhos nem trabalho possuem e não conseguem ajudá-la.

Ela disse que foi à câmara de novo e teve a mesma resposta de que o presidente está ausente e que, neste momento, não conseguem apoiá-la com a compra dos óculos.

“O problema é que eu não posso esperar devido à gravidade da minha situação. Eles só apoiam quem não precisa mesmo”, acusou a fonte.

Além de solicitações para apoios relacionados com a saúde, Ana Gomes disse ainda que tem pedido apoios também para a construção de uma casa de banho, porque a casa onde reside não a tem e mesmo “esta casa que tem parte de lona e tectos a caírem, necessita de reparações”.

A Inforpress contactou o edil Francisco Tavares, que está na cidade da Praia, e disse que Ana Gomes não tem feito nenhuma solicitação de audiência e o pedido de apoio que tinha sido feito para a compra dos óculos, foi ainda no tempo do antigo presidente Orlando Balla.

“Na época, foi informada que não havia verba para acção social e pediram para aguardar um pouco, mas quando o despacho saiu, ela mesma disse que já tinha comprado os óculos com a venda de porcos e que poderiam utilizá-la para outra pessoa”, esclareceu Francisco Tavares.

O autarca disse ainda que está na câmara um pedido feito recentemente, mas que a vereadora responsável pela área de Acção Social encontrava-se de férias e só agora regressou.

Mas, no âmbito da acção social, foi apoiada a senhora com duas passagens (ida e volta) para a ilha do Fogo hoje [quarta-feira], para a realização de consultas, e o pedido de apoio para a compra de novos óculos, tem de aguardar até que haja verbas para tal.

Em relação à construção de casa de banho, o edil garantiu também que, no âmbito do Programa de Requalificação, Reabilitação e Acessibilidades (PRRA), a mesma está entre os beneficiários para 2019.

MC/ZS

Inforpress/Fim