Em três anos de Governo “temos resultados” – Primeiro-Ministro

  • 23/05/2019 06:56

Ulisses Correia e Silva avaliou esta noite os três anos de governação nacional e destacou as apostas e conquistas no domínio social, económico e segurança 

O Primeiro-Ministro garantiu na noite desta quarta-feira, 22, que o entusiasmo para a governação “é o mesmo e é mais forte”, três anos após assumir o Governo, em sequência das eleições legislativas de 2016. “E é um sentimento de orgulho”, acrescentou.

Ulisses Correia e Silva esteve em grande entrevista de balanço da governação e indicou que nestes três anos “temos resultados”, e elencou que a inclusão social mereceu particular atenção do seu Governo, conseguindo, mesmo, “aumentar” o rendimento das famílias. O consumo médio, indicou UCS, aumentou em cerca de 5%.

O PM recordou que em três anos, o seu Governo também conseguiu aumentar o Salário Mínimo Nacional, de 11 para 13 mil escudos, aumentou a Pensão Social, e criou o Rendimento Social de Inclusão que está a beneficiar várias famílias, com idosos e crianças com deficiência, num valor de 5.500$00 por família. Com esta medida, apontou o PM, a meta é reduzir, no horizonte 2022, de “forma significativa” a pobreza extrema. “Queremos atingir 80% das oito mil famílias em pobreza extrema”, apontou.

O Chefe do Governo destacou também as opções políticas de apoio a mais de 4 mil crianças no pré escolar, provenientes de famílias de baixa renda e observou que a “supressão das propinas” vai na mesma lógica de apoio social.

A meta até 2021, apontou, é abranger até 53 mil crianças com isenção de propinas, o que na sua perspetiva vai representar um “ganho significativo” o acesso e o retorno de rendimento às famílias.

UCS referiu-se ainda ao programa de reabilitação de casas, o PRRA, tendo apontado para um défice de cerca de 8 mil “situações dramáticas” a nível nacional e à tarifa social de água e energia que vai contemplar cerca de 23 famílias.

Noutro capítulo, o PM garantiu que “nunca se investiu tanto” no desenvolvimento local “como agora”, e apontou as várias transferências que o seu Governo promove para os Municípios.

“Investimos nos jovens”, acrescentou.

Já em matéria de segurança, “Cabo Verde está mais seguro”, reforçou, dando o “exemplo paradigmático” da Cidade da Praia ser, agora, “mais tranquila”.

“Em apenas três anos, resolvemos problemas complicados que encontramos”, disse, referenciando, de entre outros, a TACV, transportes marítimos, e a recompra dos 40% das ações da CV Telecom que estavam com a PT Ventures.