Green Studio reage as criticas do PAICV - Santiago Sul e da noticia publicada no A Nacao

  • 25/11/2017 07:45

NOTA DE IMPRENSA

A GreenStudio, na sequência da publicação levada a cabo pelo Jornal A NAÇÃO e da conferência de imprensa realizada pelo Líder da Região de Santiago Sul do PAICV, vem desta forma repudiar e condenar a forma dolosa, falsa e condenável como o seu bom nome tem sido referido.

A GreenStudio é uma empresa com mais de 12 anos de mercado em Cabo Verde, registada em Angola, nos Estados Unidos da América e agora no Dubai, Emirado Árabes Unidos. A empresa pela sua experiência e competências, naturalmente tem trabalhado com inúmeras instituições, empresas e organizações, incluindo os sucessivos governos, prestando os seus serviços profissionais de forma séria e com rigor técnico que lhe compete.

Estranhamos que nenhum órgão de comunicação social tenha contactado a empresa de forma a conhecer os seus projectos e ou solicitar informações com relação à compra do terreno efectuado junto da Câmara Municipal da Praia, cujos dados são públicos, preferindo antes sim de forma dolosa atirar o nome da empresa com especulações e insinuações graves e cujos propósitos e intenções não se conseguem descortinar nem entender. A especulação iniciada por um órgão tem levado a que demais órgãos de comunicação social apenas repliquem e dêem eco sem o mínimo de respeito e consideração para indagar junto da empresa, da veracidade ou não dos factos.

A GreenStudio decorrente da sua visão e estratégia de desenvolvimento corporativo, estruturou uma projecto de edificar em Cabo Verde um CENTRO DE PRODUÇÃO, AGREGAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE CONTEÚDOS AFRICANOS, promovendo e dando corpo a um modelo do seu desenvolvimento com um Cabo Verde útil para África e no Mundo. Neste fase a empresa conta já com dois canais de televisão, Muzikatv e GreenSports, e tem produzido e difundido conteúdos a nível mundial. Tudo dentro da sua estratégia e visão global de desenvolvimento de uma Indústria de conteúdos Africano a ser sediada em Cabo Verde e para distribuição Mundial. A empresa já partilhou e socializou com todas as entidades relevantes, como são os Governo Centrais e Locais das três ilhas onde o projecto será edificado, a saber: Praia, Mindelo e Sal, assim com bancos nacionais e internacionais, estando inclusive nesta a fase a concluir com potenciais investidores os investimentos necessários para edificar toda a estrutura e o projecto delineado.

No mesmo âmbito o terreno da Praia foi identificado de entre os lotes de terreno da urbanização na Palha Sé, disponíveis para venda, onde a empresa apresentou uma proposta de compra que foi sufragada em Assembleia Geral do Município da Praia, com 13 votos a favor e 7 votos de abstenção. Nenhum voto contra.

A empresa está totalmente disponível à comunicação social e demais entidades a prestar esclarecimentos e comprovativos de todo e qualquer facto sobre a empresa, não entendendo por isso como se pode dar eco a especulações e falsidades sem a devida auscultação dos responsáveis pela empresa.

Todavia nesta nota queremos repor a correcção das informações veiculadas, afirmando em como:

A Concessão de direito superfície do terreno referido foi já deliberada e aprovada em sede de Assembleia Municipal na sessão ordinária de 11 de Maio de 2017 com 13 votos a favor e sete votos de abstenção. Nenhum voto contra (ao contrário do voto contra do PAICV que está a ser veiculado);

O Terreno foi valorizado e será pago, pela GreenStudio, a preço de mercado e em igualdade de circunstância com qualquer outro (ao contrário do que se está a querer fazer passar que há um benefício e tratamento preferencial), no valor da urbanização de Palha Sé;

O valor do Terreno a ser pago pela GreenStudio é de 43.188.000$00, sendo que 1.179.950$00 (e não 179.000$00 como maldosamente se tem sido veiculado) serão pagos anualmente nos primeiros 20 anos e 19.589.000$00 serão liquidados nos 10 anos seguintes;

O Complexo Televisivo, Cinematográfico e Tecnológico a ser edificado, será sede de 5 canais de televisão Africanos, Uma Academia de Cinema, Televisão e Tecnologia, um OpenAir Anfiteatro e Estúdios de Televisão e Cinema, com potencial e capacidade de empregar massivamente, qualificar recursos humanos no sector, produzir conteúdos e albergar outras produtoras nacionais e internacionais;

Atentamente,

GreenStudio

Contacto: greenstudio@live.com
+238 262 7153