Ilha Brava: Ter um sonho e correr atrás com determinação “diminuiria” o desemprego e “aumentaria” o auto-emprego – Mirian da Veiga

  • 28/09/2018 20:34

Mirian da Veiga é uma jovem bravense, estudante de Ciências da Educação, mas que viu na maquiagem, uma forma de “realizar o seu sonho”, ser uma empreendedora e sair do desemprego.

É desta forma que Mirian da Veiga, chama a atenção dos restantes jovens da ilha e não só, no sentido de “não esperarem” somente pelo Governo ou outras instituições, mas, que devem ter a “iniciativa” de mudarem as suas vidas.

“Os jovens são criativos. É só pensarem um pouco, até porque todo mundo tem sonhos. Então é pegar destes sonhos, persistir e correr atrás do que quer e deseja”, explicou Mirian, adiantando que com iniciativa e persistência, tudo é possível.

Segundo a fonte, é um pouco “desanimador”, escutar as lamentações dos jovens, alguns com formações superiores, outros nem por isso, reclamando que “não há emprego”.

O problema é que “se ficarmos somente a depender dos outros nunca daremos um passo na vida. Tudo depende de nós mesmos e basta tomar uma decisão na vida. Parar, reflectir e dizer: estou sem nada para fazer, tenho que procurar algo para ocupar o meu tempo e que dê algum rendimento”, salientou Mirian, mas, a mesma acrescentou que além de pensar é necessário ter determinação.

Como exemplo, a mesma pegou na sua experiência. Contou à Inforpress que desde pequena teve uma paixão pela maquiagem. Com esta paixão, Mirian após viajar para estudar em São Vicente, aproveitou e fez uma mini-formação na área, que tem ajudado a mesma como uma forma de ocupar o tempo livre e ganhar um “extra”, para apoiá-la nas despesas.

De acordo com Mirian, foi um sonho que, para a sua materialização, necessitou de algum investimento. E durante o decorrer da formação, foi logo pensando numa forma de “recuperar” a quanta investida.

Até que, após o término do curso, Mirian disse que “caso” não conseguir ingressar logo no mercado de trabalho na sua área de formação superior, vai “investir” mais na maquiagem, porque é uma área que dá algum rendimento e é a sua paixão, permitindo-lhe fazer este trabalho com “mais amor, paixão e dedicação”.

Como forma de partilhar a sua experiência, de incentivar os jovens a serem mais empreendedores e a terem mais conhecimentos na área da beleza, a mesma vai juntar o útil ao agradável, aproveitando as férias, para ministrar um workshop na ilha Brava, “dedicado a mulheres, visto que, não houve nenhum homem inscrito”.

Com este workshop, Mirian não só vai falar do empreendedorismo, como também, vai “explicar e demonstrar” algumas técnicas da maquiagem, de forma a “realçar e levantar” a auto-estima das mulheres bravenses.

Aos jovens, Mirian insiste em pedir que eles sejam “sonhadores e persistentes”, de forma a não “desistirem” daquilo que querem alcançar.

 

Inforpress