QUEM ENCOMENDOU O CRIME CONTRA O ÓSCAR SANTOS ?

  • 04/08/2019 09:06

 

Não há dúvidas de que Óscar Santos é o melhor autarca do país! E isso não é palavra de circunstância. É a expressão visível de resultados!

Esta verdade é inquestionável e ultrapassa as fronteiras partidárias.

Óscar é um economista com visão aplicada, que reconhece e soube integrar a coordenação da sua equipa camarária; é um político que lidera e apresenta resultados palpáveis e visíveis; é um político que apresenta os resultados na cara dos seus opositores.

E hoje ele foi, felizmente, por ser um cristão convicto, um abençoado de Deus! Num momento difícil, lá esteve a cidade inteira a rezar por ele! A cidade rezou e salvou o seu Presidente!

A cidade da Praia é hoje, incomparavelmente, a melhor cidade do país! 
A minha nova cidade nada tem a ver com a cidade que conhecíamos há vinte anos.

O projecto de transformação da cidade da Praia começou com a liderança de Ulisses Correia e Silva e presentemente a cidade atingiu um desenvolvimento que poucos imaginavam.
A cidade ainda apresenta desafios, mas os ganhos estão à luz do dia!

A transformação da antiga cidade da Praia em uma outra cidade, com a beleza estampada à vista de todos, com obras de urbanização em franco progresso reconhecido, com cada vez melhor e notórias condições de bem-estar, com cada vez mais espaços verdes, com eventos culturais de nível internacional, chorando de alegria e com lágrimas a vivência cosmopolita, abraçando fraternalmente a todos, foi fruto de um projecto bem preparado e bem concebido, mas também que implicaram tomadas de decisões nem sempre fáceis ou nem sempre populares.

O parto da nova cidade da Praia não foi fácil e registaram-se sempre vozes e discursos guerrilheiros!

Qualquer mudança, qualquer desenvolvimento, sejam de que natureza eles forem, fabriquem os seus “inimigos”, fabricam os seus opositores. E fabricam os seus contras!

Organizar uma cidade, como o da Praia, conhecendo o ponto de partida, para além de meios financeiros e projectos, exigiria tomadas de decisões difíceis, polémicas, as quais, com certeza, agradariam a maioria dos citadinos, mas que, naturalmente, há sempre uma minoria, ou grupo de pessoas, ou até um único indivíduo que possa sentir-se tocado nos seus interesses egoístas ou individuais.

Neste contexto, a Câmara Municipal da Praia terá tomado decisões várias, quer por motivação de cumprimento do interesse colectivo, quer por cumprimento do interesse da cidade e dos citadinos, mas nem sempre tais decisões agradariam a todos. Sabíamos disso!

Sejam essas medidas respeitantes à venda ou concessão de terrenos ou à concessão de licenças de táxis ou a outras matérias quaisquer, haveria sempre uma alma descontente!

Aparecem sempre grupos ou indivíduos insatisfeitos, que terão concluídos ou entendidos que os seus interesses foram tocados ou preteridos.

Porém, em vez de se recorrerem às instâncias da justiça, preferiram, sentindo-se poderosos e acima da lei, mandar fazer a “justiça” com as suas próprias mãos e vingarem-se, neste caso, do Presidente da Câmara Municipal da Praia, Dr. Óscar Santos!

Talvez, mesmo sabendo que uma determinada decisão é institucional e não da pessoa de Óscar Santos, um cobarde ou um grupo deles, sentindo-se tão poderoso, ao ponto de mandar encomendar a sentença de morte do Presidente!

Pelas implicações que este acto possa engendrar e provocar, pelo precedente que pode criar, pela cobardia ignóbil do acto, mesmo que se venha com demagogias mesquinhas e rasteiras, não posso deixar de considerar o atentado como o acto mais grave perpetrado contra a autoridade do Estado Democrático de Cabo Verde!

É um desafio frontal, inqualificável e inaceitável à autoridade do Estado! E o Estado deve fazer tudo para repor a sua autoridade!

O acto em si, esquecendo por um segundo a pessoa que foi vítima, é um golpe macabro disferido no coração do poder soberano do Estado e da sua autoridade!

Se esse caso não for resolvido e descobertos os seus mandantes e executores, a partir deste momento, digam-me que titular de instituições do Estado terá a liberdade de tomar decisões que protejam os interesses da República e do Estado ?

Esse precedente é notoriamente grave e inquestionavelmente vital para o normal funcionamento das instituições da República!

Os populistas podem apresentar outras leituras demagógicas, mas de nada servem essas ligeirezas de análise!

Não é por acaso que a Embaixada dos Estados Unidos da América, a propósito desse caso, emitiu uma alerta aos cidadãos americanos, apelando-os a manterem-se alertas e vigilantes.

Essa alerta da Embaixada americana, sabendo como é que eles reagem nesses casos e a relevância que eles prestem a casos semelhantes, é sintomaticamente uma forma diplomática de dizer que o assunto é manifestamente grave!

Mesmo sabendo que os seus cidadãos não estejam em perigo, eles enviaram um sinal de alerta. Esse sinal deve ser bem interpretado!

A segurança é vital para a sobrevivência de um Estado de Direito Democrático. Segurança dos cidadãos e segurança das instituições da República!

Imaginem uma Câmara, como o da Praia, capital do País, prenhe de mil e um interesses cruzados, o seu Presidente não ter uma proteção de segurança pessoal? 
Sabemos que há certos interesses na cidade da Praia que não existem no país!

Só acontece isso no meu país! Paciência!

Por outro lado, em certa medida, as autoridades andam a brincar com essa matéria de segurança!

Quem não sabe que na cidade da Praia existem grupos organizados que executam crimes por encomenda? Não sabem?

As autoridades sabem disso muito bem! 
Essa realidade não é de hoje.

Finalmente, desejo ao meu amigo Óscar Santos uma rápida recuperação e que volte logo ao seu posto de trabalho.

A Praia precisa imensamente de ti, caro querido Presidente! 
Desistir nunca!