Vereador do Desporto da CMB encontra com o Director Geral dos Desportos

  • 01/06/2018 05:34

 

O diretor geral dos desportos (dgd), Anildo Santos, recebeu esta tarde, no Palácio do Governo, o vereador do Desporto da edilidade bravense, Mário Soares, tendo na agenda o reforço da cooperação entre as partes em prol do desenvolvimento do desporto local. Nesse quadro, a Câmara Municipal da Brava procura mobilizar e dinamizar as modalidades de salão, nomeadamente o andebol e o Volei, outrora modalidades fortes na ilha e, também o basquetebol e quer o apoio tanto, da DGD quanto das federações respetivas. Soares aproveitou para entregar ao dgd um relatório de necessidades em termos de investimentos em infraestruturas desportivas para o qual a edilidade quer contar com o apoio do Executivo.

Mário Soares apontou uma série de projetos para reabilitação de placas, polivalentes e outras infraestruturas desportivas num orçamento aproximado de 8 mil contos e que constituem um verdadeiro desafio para as contas da CMB.

Reconhecendo o direito e a legitimidade das gentes daquela região desportiva em almejarem mais e melhor do que as condições atuais, Anildo Santos começou por enaltecer a oportunidade de sentar-se à mesa com uma representação da Brava, no quadro da participação de Soares no Fórum sobre o futuro Instituto do Desporto e Juventude.

O dgd deixou clara a vontade, até numa perspetiva de descriminação positiva, em apoiar a ilha Brava, tendo este realçado, porém, o desafio que o MD/DGD enfrenta em termos do próprio orçamento nacional para o desporto, daí “não ser possível responder a todas as demandas de uma vez só. Contudo, o dgd compromete-se a levar as preocupações e necessidades apresentadas a um nível superior para se ver de que forma e em quê poderá o MD/DGD ajudar nos próximos tempos. Para tal, sublinha Santos, “é importante que a CMB tenha muito presente as prioridades” em termos de tais necessidades.

No que tange à prática desportiva na ilha Brava, Santos mostrou, igualmente, toda a disponibilidade em ajudar como puder a DGD, sobretudo, no que tange às formações, tendo o dgd apelado ainda a Mário Soares que a referida edilidade procure reforçar a parceria com as federações “que terão todo o interesse em promover as suas modalidades na ilha”.

Ainda no que diz respeito à colaboração e parcerias entre as câmaras de todo o país e o MD/DGD, Anildo Santos anunciou para 21 de setembro o próximo Encontro Nacional entre as partes, que de verá acontecer em Ribeira Grande de Santo Antão.

MexiMexê na Brava

uma área de cooperação que poderá conhecer avanços imediatos diz respeito à implementação do Programa Nacional de Atividade Física-MexiMexê, no qual, como é, aliás bandeira dessa iniciativa do MD/DGD, é objetivo ter o programa a “mexer” em todo o território nacional.

Restará ver os moldes e o que caberá, em termos de responsabilidades, a cada uma das partes fazer.