LEI DE JOGO

Uma das questões mais confusas e polémicas do futebol, a “mão na bola” ou “bola na mão” é alvo de discussão constante. Além de diversos tópicos que categorizam a infração, a regra ainda dá espaço para a interpretação dos árbitros e assistentes, que nem sempre mantém os mesmos critérios na hora de assinalar as faltas.

May 16, 2023 - 04:18
 0  31
LEI DE JOGO

 

Uma das questões mais confusas e polémicas do futebol, a “mão na bola” ou “bola na mão” é alvo de discussão constante. Além de diversos tópicos que categorizam a infração, a regra ainda dá espaço para a interpretação dos árbitros e assistentes, que nem sempre mantém os mesmos critérios na hora de assinalar as faltas.

Mas afinal, o que caracteriza uma falta por mão na bola? Mão na bola é sempre penálti? Segundo as novas regras da International Board (IFAB), os seguintes casos abaixo devem ser penalizados em caso de toque com a mão:

- Braço e/ou mão distantes do corpo ou fora da linha do corpo (mesmo acidentalmente);

- Ocasiões que que o jogador se projeta em direção à bola;

- Toques em mãos ou braços posicionados acima dos ombros;

- Situações em que o jogador cair com o braço e/ou mãos projetados para fora do corpo;

- Quando o jogador marca um golo ou cria uma chance após tocar na bola com o braço e/ou mãos (mesmo acidentalmente);

- Ocasiões em que o jogador usa parte dos braços e/ou mãos para fazer aumentar o volume do seu tronco;

Outra mudança importante foi nos limites que definem o que pode ser considerado um toque no braço. Somente toques depois da linha inferior da axila são classificados como infração, enquanto uma bola diretamente entre o tronco e a axila não configura em um toque com a mão.

No caso de mão na bola acidental em jogadas ofensivas, só serão penalizadas situações que resultaram em um golo direto envolvendo o autor do golo.

As novas regras foram anunciadas em Abril de 2021 e são válidas para ligas de futebol em todo mundo.

Qual é a sua reação?

like

dislike

love

funny

angry

sad

wow