Portos de Cabo Verde e Polícia Judiciária de Portugal Reforçam Segurança Portuária com Novo Protocolo de Cooperação

A Empresa de Portos de Cabo Verde (Enapor) e a Polícia Judiciária de Portugal assinaram um acordo para melhorar a segurança nos portos. O uso de um software de controle portuário e o compartilhamento de câmeras de vigilância permitirão um melhor combate aos crimes. Esta iniciativa é parte do esforço para fortalecer a segurança marítima de Cabo Verde.

Jun 5, 2024 - 08:10
 0  37
Portos de Cabo Verde e Polícia Judiciária de Portugal Reforçam Segurança Portuária com Novo Protocolo de Cooperação
Portos de Cabo Verde

A Empresa de Portos de Cabo Verde (Enapor) e a Polícia Judiciária de Portugal firmaram um protocolo de cooperação com o objetivo de fortalecer a segurança nas zonas portuárias do arquipélago.

O acordo prevê a implementação do software Janela Única Portuária (JUP) por parte de todas as unidades de investigação criminal, segurança e fiscalização dos portos, concedendo acesso remoto à plataforma de videovigilância. Além disso, o protocolo prevê a realização de ações de formação e outros tipos de apoio, conforme comunicado oficial da Enapor.

O objetivo principal desta iniciativa é elevar os níveis de segurança, "tendo em conta a responsabilidade conjunta das instituições na prevenção e deteção de atividades ilícitas nas zonas portuárias", além de aumentar a capacidade de "repressão de crimes nos portos de Cabo Verde e áreas adjacentes", segundo o comunicado.

"O combate ao crime exige necessariamente o reforço da cooperação, pois os criminosos também se organizam cada vez mais", afirmou Manuel da Lomba, diretor da Polícia Judiciária, à agência Lusa no início de maio.

Na ocasião, o diretor falava durante as cerimónias de aniversário da polícia científica, onde foram assinados acordos de cooperação com a Polícia Nacional e as Forças Armadas. A assinatura de novos protocolos para agilizar as ações da PJ figura como uma das prioridades de Manuel da Lomba, que assumiu o cargo em janeiro deste ano.

Nos primeiros quatro meses de 2024, os nove portos das ilhas habitadas do arquipélago registraram um movimento de 2.759 navios, com mais de meio milhão de passageiros e 400 mil toneladas de mercadorias em contentores, números superiores aos do mesmo período em 2023.

Este novo protocolo de cooperação entre a Enapor e a Polícia Judiciária de Portugal demonstra o compromisso conjunto das instituições em garantir a segurança e a eficiência das operações portuárias em Cabo Verde, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico do país.

Qual é a sua reação?

like

dislike

love

funny

angry

sad

wow