BCV Classifica Bancos em termos de importância sistêmica, pela primeira vez em Cabo Verde

Como reportado pela LUSA, o Banco de Cabo Verde (BCV) divulgou pela primeira vez a classificação de bancos considerados de importância sistêmica no país. A medida visa aumentar a resiliência do setor bancário e mitigar potenciais impactos negativos.

Jun 4, 2024 - 09:35
Jun 4, 2024 - 10:13
 0  44
BCV Classifica Bancos em termos de importância sistêmica, pela primeira vez em Cabo Verde
BCV

Como reportado pela LUSA, o Banco de Cabo Verde (BCV) divulgou pela primeira vez a classificação de bancos considerados de importância sistêmica no país. A medida visa aumentar a resiliência do setor bancário e mitigar potenciais impactos negativos.

De acordo com a avaliação, a Caixa Económica de Cabo Verde e o Banco Comercial do Atlântico (BCA) são classificados como bancos de "elevada importância sistêmica". Isso significa que essas instituições desempenham um papel crucial no sistema financeiro cabo-verdiano e possuem maior responsabilidade na constituição de reservas para amortecer eventuais efeitos negativos.

O Banco Caboverdiano de Negócios (BCN) e o Banco Interatlântico, detido pelo português Caixa Geral de Depósitos (CGD), foram classificados como bancos de "ligeira importância sistémica". Já o Banco Angolano de Investimentos (BAI), o International Investment Bank (IIB) e o Ecobank não integram a categoria de instituições sistêmicas.

A classificação considera quatro indicadores principais: tamanho do banco (35%), interconexão com outras instituições (20%), capacidade de substituição (35%) e percepção de mercado (10%). A Caixa Económica obteve 285 pontos, e o BCA, 264 pontos, ambos ultrapassando o limite de 200 pontos para a categoria de "elevada importância sistémica".

Essa avaliação reflete uma tendência global implementada após a crise financeira de 2007-2009. O objetivo é garantir que os bancos sistêmicos acumulem capital suficiente nos períodos favoráveis para enfrentar potenciais adversidades futuras.

Além da divulgação da classificação, o BCV estabeleceu a obrigatoriedade de todos os bancos sistêmicos constituírem reservas de conservação. Essas reservas servirão como amortecedores para absorver perdas e promover a estabilidade financeira em cenários de crise.

A medida do BCV representa um passo positivo para o fortalecimento do sistema bancário de Cabo Verde. Ao identificar e exigir reservas dos bancos sistêmicos, o Banco Central contribui para a prevenção de riscos sistêmicos e a promoção de um setor financeiro mais resiliente.

Qual é a sua reação?

like

dislike

love

funny

angry

sad

wow