Trabalhadores do MAA que estiveram no  combate a praga de gafanhotos podem passar o Natal sem verem a cor do seu dinheiro.

  • 07/12/2019 11:49

 

Cidade de Nova Sintra, 07 Dez (Bravanews) - Cerca de 29 trabalhadores que estiveram na frente de combate a praga de gafanhotos durante o mês de Agosto, podem passar o Natal com suas famílias, sem verem a cor do suado dinheiro.

Conforme foi noticiado aqui neste portal, trabalhadores do MAA procuraram a Bravanews para denunciarem o descaso da Delegação do MAA em lhes pagar pelo trabalho realizado no combate a praga de gafanhotos no mês de Agosto.

Passado mais de três meses e desesperançados, alguns dos trabalhadores contactados pela Bravanews dizem não ter qualquer esperança de receber o valor antes do Natal, momento de convívio familiar.

“De certo que os filhos dos responsáveis  terão prendas e boa manjar durante o Natal, enquanto os nossos filhos ficam no sonho de pelo menos ter uma pequena prenda ou um comida diferente”, alegam.

“Isso não se faz com um pai de família, pois estão brincando com o nosso suor, mas Deus fará justiça, perante este acto de abuso, prepotência e descaso”, disse revoltado um dos elementos do grupo.

Com medo de represálias não querem o nome deles revelado, pois já foram ameaçados pelo Delegado de não ser recrutados para outros trabalhos caso continuem a reivindicar.

Nota da Bravanews: Em mensagem, o Delegado do MAA disse não ter satisfação a dar a Bravanews sobre a matéria, e apenas nos solicitou o nome dos denunciantes, algo que nao fazemos, de acordo com a lei de protecção da fonte. “Não tenho que confirmar ou negar nada”, disse de forma enfática e prepotente.