Presidente do Pintcha acusa Conselho de Arbitragem de prejudicar sua equipa no campeonato regional de futebol da Brava

Brava, 06 de Fevereiro de 2024 (Bravanews) - O Presidente do Pintcha, Anildo Andrade, expressou sua indignação com o Conselho de Arbitragem do campeonato regional de futebol da Brava, alegando que sua equipa está sendo sistematicamente prejudicada e que o conselho está favorecendo certas equipes, especialmente o Morabeza.

Feb 6, 2024 - 16:00
Feb 6, 2024 - 16:07
 0  278
Presidente do Pintcha acusa Conselho de Arbitragem de prejudicar sua equipa no campeonato regional de futebol da Brava

Andrade fez duras críticas, acusando o presidente do Conselho de Arbitragem de menosprezar as demais equipes ao se referir a elas como "Timizinhas", enquanto protege a equipe favorita, o Morabeza. Segundo ele, esse tratamento desigual tem afectado o desempenho e os resultados do Pintcha no campeonato.

"É inaceitável que o Conselho de Arbitragem, que deveria garantir a imparcialidade e a equidade no campeonato, esteja agindo de forma tão parcial e prejudicial às demais equipas", afirmou Andrade em uma declaração a Bravanews.

As acusações levantadas pelo presidente do Pintcha estão gerando um debate acalorado no cenário futebolístico da Brava, com outros clubes e torcedores expressando preocupações semelhantes sobre a integridade e a transparência das decisões arbitrais.

Bravanews reserva espaço para pronunciamento do Conselho de Arbitragem caso queiram emitir uma declaração oficial em resposta às acusações de Andrade. No entanto, espera-se que o assunto seja investigado de forma rigorosa para garantir a justiça e a igualdade no decorrer do campeonato regional de futebol da Brava.

O Presidente do Nô Pintcha, em meio à actuação tendenciosa do Conselho de Arbitragem do campeonato regional de futebol da Brava, ressaltou que tais situações têm contribuído para que a ilha venha enfrentando dificuldades em atrair a participação de outras equipas em provas oficiais.

"Devido a casos como esse e outras razões relacionadas à falta de imparcialidade e transparência, a ilha da Brava tem enfrentado desafios para atrair a participação de outras equipas em competições oficiais e tem levantando as actuais 4 equipas a pensarem em desistir de estar no campeonato regional", afirmou o presidente do No Pintcha.

Essa declaração reflecte a preocupação não apenas com a integridade das competições locais, mas também com o impacto mais amplo que a falta de confiança nos órgãos reguladores pode ter no desenvolvimento e na promoção do desporto na ilha.

A falta de equidade e justiça nas competições desportivas não apenas afecta o desempenho das equipas locais, mas também pode minar o interesse de outras equipas em participar de eventos na região desportiva. Essas preocupações destacam a importância de abordar de maneira eficaz as questões de governança e arbitragem no desporto local para garantir um ambiente justo e competitivo para todos os envolvidos.

Qual é a sua reação?

like

dislike

love

funny

angry

sad

wow