Marly, uma história de sofrimento, alegria e superação

  • 08/10/2017 11:44

Cidade de Pawtucket, 08 Out (Bravanews) - Ter uma portadora de deficiência em casa, numa ilha onde não há recursos para resolver este problema, faz uma família mudar completamente sua rotina e gastos, o que torna a situação mais difícil quando a família já era muito pobre, mesmo antes do nascimento desta criança.

 

Marly, uma criança alegre, divertida, com espírito de humor elevado, nasceu com problemas de visão, que foi se complicando a cada ano. Proveniente de uma família pobre, numa ilha, Brava, onde os recursos não abundam e a esperança de cura reduzida, a situação desta crianca ia se complicando a cada dia.

Mas como Deus escreve certo por linhas tortas, fez com que Maria Pereira, uma bravense radicada nos EUA, programasse a sua viagem para a Brava, depois de muitos anos fora (40) e fosse de encontro a Marly.

 

Logo que soube do sofrimento dessa família, que não recebe nenhum tipo de ajuda, esta emigrante, se sensibilizou com o caso e decidiu ir, pessoalmente, conhecer a pequena Marly. Ela levou coisas basicas e muito amor. Fotos suas com a pequena no colo tem viralizado e comovido pessoas de diferentes partes do mundo.

A família vive em uma casa muito pobre, em um terreno sem muros ou qualquer tipo de segurança ou luxo. A criança, aliás, dormia numa situação desconfortável.

De volta, Maria Pereira, aproveitou o seu conhecimento para chamar a atenção das pessoas para ajudar a criança. Pediu a atenção de pessoas conhecidas na comunidade, bateu em muitas portas, e hoje, Marly, depois de muita luta, já se encontra nos Estados Unidos da América.

Pereira quer que as pessoas percebam que a vida dos outros também vale muito, mesmo em uma época em que a indiferença tem sido o caminho escolhido por muitos.

Apesar de todos os problemas da criança, ela pareceu entender que a visita de Maria Pereira era para ajudá-la, pois, agora Marly está muito mais alegre e ficou muito mais calma. Apesar das dificuldades,Pereira acredita que Marly pode ter uma vida feliz cercada de amor por isso, pede para que quem se sensibilizar com o caso, encontre uma forma de ajudá-la.

No dia 15 de Outubro será realizada a primeira actividade de angariação de fundos para ajudar a Marly no tratamento e espera-se que todos estejam presentes no Portuguese Social Club.