PJ detém ex-PCA da ARE Renato Lima

  • 05/06/2019 16:08

Renato Lima, que exerceu funções de Presidente do Conselho de Administração da Agência de Regulação Económica (ARE), entre fevereiro de 2004 e dezembro de 2015, é suspeito da prática de um crime de Peculato em concurso aparente com um crime de infidelidade, segundo revela a PJ em comunicado distribuído à imprensa.

Em comunicado, a Polícia Judiciária, através da Secção Central de Investigação de Crimes Económicos e Financeiros – SCICEF –, em cumprimento de um mandado de detenção do Ministério Público, deteve, esta terça-feira, 04, fora de flagrante delito, o Ex Presidente do Conselho de Administração da então Agência de Regulação Económica (ARE). É que, segundo a Judiciária, Renato Lima é « suspeito da prática de um crime de Peculato em concurso aparente com um crime de Infidelidade».

Conforme a mesma fonte, indivíduo em causa exerceu funções entre fevereiro de 2004 e dezembro de 2015, pelo que os supostos crimes terão sido cometidos entre esse período de tempo, no exercício das suas funções.

Segundo a PJ, o detido estava para ser presente, ainda esta terça-feira, às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coação pessoal.